quinta-feira, 2 de agosto de 2007

Monteiro Lobato, o folclorista

Primeiro livro de Monteiro Lobato (1917)


RESUMO: artigo trata da contribuição de Monteiro Lobato, na seara do folclore, a partir da sua obra "O Sacy-Perêrê: resultado de um inquérito", de 1917.



Por Thiago Fragata*

Nesse mês de agosto é pertinente ressaltar a contribuição de Monteiro Lobato ao folclore brasileiro. Muitos perfis do insigne intelectual foram desvelados pelos estudiosos de sua obra: escritor, editor, missivista, pedagogo, diplomata, economista, financista, humorista, crítico de arte, poeta, patriota, panfletista. Apenas o raro trabalho “Monteiro Lobato, o Folklore e o Çaa Cy Pererég”, assinado por Alceu Maynard Araújo, em 1948, destaca o pioneirismo de Lobato na pesquisa etnográfico e na promoção do folclore brasileiro, focando o caso do fantástico Saci Pererê. 


DESEJA RECEBER O ARTIGO COMPLETO?
ENCAMINHE SEU PEDIDO PARA O AUTOR
Email: thiagofragata@gmail.com
Você receberá o artigo mediante pagamento de taxa de R$ 30,00 (trinta reais), esse valor simbólico custeará próximo livro de Thiago Fragata.